fbpx

Já faz parte da vida do brasileiro frequentar restaurantes entre outros locais que sirvam refeições ou pratos especiais. Seja para almoçar, tomar um café, comer um docinho ou comemorar um momento especial. E quem tem o costume de receber esse público sabe como é importante prestar um bom atendimento, além de ter uma boa gestão em seu negócio. Não é à toa que o setor alimentício é um dos mais movimentados do Brasil. 

Separamos algumas dicas de gestão que podem resolver problemas simples ou complicados da sua rotina e organizar melhor como será o seu dia de trabalho. Confira:

 

Melhore o seu movimento descobrindo qual o seu o ticket médio 

ticket médio é um indicador de desempenho do seu negócio que serve para acompanhar como anda a saúde financeira do seu caixa. Ele é o valor médio gasto nos pedidos dos seus clientes. 

Para calcular o ticket médio é necessário separar um intervalo de tempo (mensal, semanal ou anual) e dividir o que você recebeu pelo número de vendas. Confira o exemplo abaixo utilizando o período 20 dias: 

R$ 1.000 (valor total de vendas) / 8 (vendas realizadas) =

R$ 125 de ticket médio 

Realizar promoções e ofertas são ótimas formas de aumentar o seu ticket médio e melhorar o seu movimento. Você pode escolher o dia da semana em que acredita que vende menos e oferecer descontos por tempo limitado. Após esse período, verifique se essa ação surtiu efeitos positivos no seu fluxo de caixa. 

Procure formas para exibir qual o seu ticket médio sem você precisar calcular. Para conseguir esse resultado, utilize ferramentas que captam as suas informações de vendas para mostrar esse dado dentro do período que tiver curiosidade, seja anual, mensal ou semanal. 

 

Qualifique o atendimento que você oferece 

eficiência no atendimento é algo fundamental para que esse tipo de negócio faça sucesso. Um cliente que se sente bem no seu estabelecimento irá fazer boas avaliações online e te indicar para amigos e familiares. 

Uma dica boa para melhorar issé qualificar os funcionários que vão às mesas para atender e acabam encontrando clientes mais indecisos. Perguntando do que eles gostam ficará mais fácil de oferecer pratos, bebidas e sobremesas, ajudando na escolha e mostrando interesse pela satisfação do cliente. 

Você também pode fazer cursos gratuitos para facilitar a rotina e ter ideias novas para o cardápio, entrega de pratos e divulgação. 

 

Encontre e reduza custos desnecessários 

Essa é uma tarefa chata que precisa de muita atenção. Se você possui custos desnecessáriosé certo que eles estão prejudicando o seu faturamento. Verifique tudo, desde itens que estão mais tempo parados no estoque, serviços que não são mais utilizados, operadora de telefone, até o custo e benefício das suas atuais maquininhas de cartão. 

Se você tem o costume de antecipar, pesquise as vantagens e taxas de cada maquininha para saber se você escolheu a melhor opção para o seu tipo de negócio. 

 

Tenha atenção com as taxas, principalmente a dos vouchers de refeição e alimentação 

Quem trabalha no setor de alimentação sabe da diferença que existe em aceitar vale alimentação e refeição, já que muitos clientes utilizam essas opções em suas compras. E, infelizmente, os descontos por aceitar essas alternativas são mais caras que as convencionais (débito, crédito e parcelado). 

Ficar de olho nessas taxas e se elas estão sempre corretas vai fazer diferença no seu fluxo de caixa. Mais de R$7 milhões em cobranças indevidas foram descobertas em 2020 pelo Raio-X. Desse número, R$1,4 milhão representa apenas o setor de serviços de alimentação como restaurantes, lanchonetes, bares, cafés, entre outros. 

Esses erros acontecem normalmente, envolvendo até o seu dinheiro sem você saber. Por isso, acompanhe essas informações detalhadamente e tenha controle absoluto do que entra e sai do seu caixa.

 

O Raio-X consegue te ajudar em boa parte dessas dicas, com ele você consegue: 

  • Acompanhar o seu ticket médio por loja, podendo comparar os dias da semana que desejar; 
  • Saber qual o período de maior e menor movimento do seu negócio; 
  • Ver quanto as maquininhas de cartão estão cobrando pelas suas vendas; 
  • Saber quanto é o aluguel de cada maquininha e muito mais. 

 

Facilite o crescimento do seu negócio utilizando o Raio-X, acesse o site ou baixe agora na Google Play ou Apple Store. 

Artigos relacionados


2 thoughts on “Dicas de gestão para restaurantes, bares, cafés e autônomos do setor de alimentação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O controle

do seu

nas


negócio

suas mãos