fbpx

As ferramentas tecnológicas facilitam a vida de quem possui um negócio. Além de otimizar o tempo de trabalho, elas podem integrar o serviço e torná-lo dinâmico. Esse é o caso do cardápio digital, que já faz sucesso em muitos restaurantes. 

Essa solução apareceu ainda mais forte depois da pandemia de covid-19, pois substituiu as alternativas impressas. Como consequência, foi possível perceber que essa modificação era benéfica tanto para o cliente quanto para a empresa. 

Neste artigo, você entenderá o que é o cardápio digital e como ele funciona. Além de dicas para implementá-lo no seu restaurante. 

 

O que é um cardápio digital?

O cardápio digital é uma ferramenta que utiliza a tecnologia para ajudar os clientes a fazerem pedidos nos estabelecimentos. A partir de um dispositivo móvel, é possível escolher a refeição e solicitá-la de forma autônoma. Isso garante praticidade ao consumidor e ao restaurante. 

Com esse recurso, a operação toda se torna mais inteligente, pois as atividades se integram por meio de um sistema de gestão. Ainda, as configurações são ajustáveis para que se enquadram à necessidade do negócio, incluindo os serviços de delivery. 

 

Como funciona esse tipo de cardápio?

Agora que você entendeu o que é um cardápio digital, é interessante descobrir o seu funcionamento. Para começar, todos os tipos de cardápio digital precisam de um dispositivo móvel para realização do pedido. 

Ele pode ser do restaurante — um tablet, por exemplo — ou o próprio celular do cliente. No segundo caso, o cardápio será disponibilizado via QR Code, que pode ser colocado em todas as mesas. 

A partir disso, o estabelecimento pede um simples cadastro ao cliente, para saber seu nome e anotar o número de sua mesa. Depois, o consumidor acessa o cardápio e verifica os itens para fazer a escolha de pratos e bebidas.  

Nesse sistema, informações como categorias, preços, descrições de ingredientes e quantidade precisam ser apresentadas detalhadamente. Após a decisão, o pedido será computado para que o processo de atendimento passe para as próximas fases. 

Assim, ao fornecer o cardápio digital, o cliente consegue fazer suas escolhas e ainda pode acompanhar o valor de sua conta até o momento.  

 

Quais as vantagens do cardápio digital?

Após analisar o funcionamento do cardápio digital, é interessante saber quais benefícios de disponibilizá-lo em seu negócio. 

Praticidade ao cliente 

O uso da tecnologia permite que o cliente utilize o cardápio de forma intuitiva e acesse todas as informações com tranquilidade. Além disso, o cliente não precisa esperar o garçom vir atendê-lo para começar a escolher o seu pedido caso o restaurante esteja muito cheio, por exemplo. 

Facilidade na atualização 

Também há vantagens para o dono do negócio — e uma delas é a facilidade na atualização de dados. Como as informações podem ser rapidamente modificadas sem grandes dificuldades, é possível ajustar o preço, remover, inserir e atualizar itens rapidamente.  

Se o negócio oferece opções diferentes conforme os dias da semana, por exemplo, é fácil fazer essa adaptação. 

Possibilidade de compartilhar em canais de comunicação 

Com o cardápio digital é mais fácil divulgá-lo, inclusive de modo online. Para tanto, basta disponibilizar o link nas redes sociais, como Facebook e Instagram, para que as pessoas tenham acesso aos produtos do restaurante.  

Essa ação possibilita que os clientes já saibam o que o estabelecimento oferece, mesmo sem ir ao local, e fiquem bem-informados sobre as novidades. 

Melhoria na operação 

Quando o cardápio é integrado ao sistema de gerenciamento, é mais fácil centralizar as informações. Como resultado, o fluxo de trabalho se torna mais seguro e a comunicação entre os setores de atendimento e preparo fica mais ágil. 

Baixo investimento 

Não é preciso gastar muito para inserir o cardápio digital no estabelecimento. Isso porque ele é hospedado em plataformas específicas, que já oferecem toda a estrutura necessária.  

Portanto, o investimento é mais orientado para a compra dos dispositivos (se a empresa optar por esse modelo de atuação), custo da utilização do sistema e elaboração do arquivo digital. 

Crescimento das vendas 

O cardápio digital pode ser atrelado à estratégia de vendas. Com uma comunicação constante com o público, as novidades e as promoções podem se tornar ainda mais atrativas. Nesse contexto, também é importante contar com boas fotos e descrições completas dos pratos, o que tende a ampliar as vendas. 

 

Como montar um cardápio digital?

Você compreendeu a teoria sobre o cardápio digital. Agora, é o momento de saber como montá-lo adequadamente. Para começar, é preciso decidir qual tipo você utilizará. Cada opção oferece vantagens e desvantagens que devem ser analisadas para tomar a melhor decisão. Entre as opções, estão: 

  • board menu: específico para restaurantes com atendimento físico. Ele conta com um painel digital que expõe os pratos aos clientes; 
  • virtual: igual ao cardápio impresso, porém o suporte é um celular ou tablet. Ele também pode ser usado para serviços de entrega. Nesse caso, você envia o arquivo para o cliente e ele faz os pedidos por outros canais; 
  • QR Code: em restaurantes que atendem em espaço físico, o cliente utiliza a câmera do celular para acessá-lo; 
  • integrado ao gestor de pedidos: funciona a partir de um link disponibilizado ao cliente, que pode ser atualizado instantaneamente. Ele é integrado ao sistema de gerenciamento, o que facilita a comunicação e padroniza as informações.

Após a escolha do tipo, você desenvolverá o seu cardápio. Independentemente do formato, as seguintes dicas podem ajudar: 

  • organize os produtos e itens disponíveis em categorias; 
  • faça a descrição completa dos produtos, contendo os ingredientes; 
  • aponte a quantidade e quantas pessoas são servidas pelo prato; 
  • informe o tempo de preparo e estimativa de entrega, caso seu restaurante trabalhe com delivery; 
  • coloque a localização do restaurante, horário de atendimento e os meios de pagamento aceitos; 
  • tenha fotos atrativas dos pratos e bebidas do cardápio; 
  • utilize suas redes sociais para compartilhar o cardápio digital como estratégia de marketing.

Ao adotar essas dicas atreladas à contratação de uma empresa que oferece o sistema organizacional será possível aprimorar o serviço do estabelecimento. Assim, ficará mais fácil aproveitar os benefícios dessa ferramenta. 

  

Neste artigo, você aprendeu o que é um cardápio digital, as características que ele apresenta e como montar um para o seu negócio. Agora vale a pena usar essa estratégia para otimizar o atendimento e melhorar a experiência dos seus clientes. 

  

Gostou do conteúdo? Continue aprendendo e leia 5 dicas para melhorar o operacional na gestão do seu negócio! Estamos no Instagram, YouTube TikTok. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O controle

do seu

nas


negócio

suas mãos